Você é o VIP nº 1588493


Dicas do Pediatra

Por Dra. Margaréte dos Santos, Pediatra - CRM 18342
e-mail: margarete@sinos.net

CONSULTA PRÉ-NATAL PEDIÁTRICA

Nos dias atuais há uma tendência absolutamente saudável em escolher o pediatra ainda durante o período gestacional.

 

O contato prévio entre os futuros pais e o pediatra favorece vínculo, confiança e reduz os níveis de ansiedade tanto na hora do parto quanto no acompanhamento posterior do recém-nascido.

 

O pediatra poderá estimular aleitamento materno, antever fatores de risco para determinadas doenças, investigar doenças hereditárias, história da gestação atual, uso de drogas (cigarro, álcool, etc.), tipo sanguíneo, etc. e assim estar ainda mais preparado para atender aquela família em especial.

 

Do outro lado, os pais poderão perguntar suas dúvidas em relação ao nascimento; sobre crendices que rodeiam este período tão especial e também cuidados com o recém-nascido.

A época ideal para este encontro é em torno da 32ª semana de gestação.

 

 

Durante a consulta pré-natal o pediatra orientará sobre:

Possibilidade de coleta e armazenamento de células tronco do cordão umbilical;

 

Importância da amamentação tanto como alimentação ideal quanto favorecedor de vínculo saudável entre binômio mãe-bebê;

 

Cuidados com o coto umbilical;

 

Higiene corporal;

 

Necessidade de uma “farmacinha básica” composta por antitérmico, termômetro, poma da contra assaduras, tesoura sem ponta, etc.

 

Importância da realização dos testes de triagem do RN, que são:

- Teste do pezinho (quatro tipos: básico-disponibilizado gratuitamente pela rede pública - ampliado, plus e master). Deverá ser feito idealmente entre o 3º e o 7º dia de vida. O objetivo principal é a prevenção de retardo mental.

 

- Teste do olhinho: consiste em incidir a luz de um oftalmoscópio sobre o olho do bebê com a finalidade de observar o chamado “reflexo vermelho”. É um exame que deve ser realizado ainda na maternidade, pelo próprio pediatra. Útil para prevenção da cegueira infantil.

 

- Teste da orelhinha: exame rápido, simples e indolor que poderá precocemente alertar sobre a possibilidade de deficiência auditiva, sendo possível tratar a criança em tempo hábil para proporcionar a ela uma vida normal, com adaptação social satisfatória.

 

Vacinas disponíveis na rede pública e na rede privada;

Periodicidade das consultas para acompanhamento do crescimento e desenvolvimento;

Posição para dormir para reduzir risco de morte súbita;

            

A escolha do pediatra é um DIREITO dos pais. Uma relação de confiança e empatia entre mãe, pai e pediatra só poderá trazer resultados positivos para o futuro deste bebê, que é o nosso foco principal.

Páginas 1 2 3 4 5


voltar ao topo